sexta-feira, 15 de março de 2013

Sobre o Ano Novo Astrológico 2013

Ano Novo Astrológico 2013


             

O Ano Novo segundo a Astrologia inicia-se todo ano com a entrada do Sol em zero graus de Áries.
Esse fenômeno também marca o Equinócio. Onde o dia fica igual á noite.

Equinócio:
A palavra equinócio vem do latimaequus (igual) e nox (noite), e significa "noites iguais", ocasiões em que o dia e a noite duram o mesmo tempo. Ao medir a duração do dia, considera-se que o nascer do Sol(alvorada ou dilúculo) é o instante em que metade do círculo solar está acima do horizonte, e o pôr doSol (crepúsculo ou ocaso) o instante em que o círculo solar está metade abaixo do horizonte. Com esta definição, o dia e a noite durante os equinócios têm igualmente 12 horas de duração.[2]
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Equin%C3%B3cio


Este Ano no dia 20 de março de 2013, ás 8h03m estaremos entrando definitivamente em 2013!

Muitos me perguntam qual ritual fazer, ou o que fazer. Bom, quando a data e a hora nos possibilita um encontro é ótimo fazer um ritual juntos, pois quanto mais gente mais força na vibração. Mas como esse ano a data cai numa quarta feira pela manhã, costumo falar que o melhor ritual é aquele mesmo que você faz na virada de ano, mentalizando o que espera do próximo ano e se conscientizando do que o ano espera. Abaixo escrevi sobre o Mapa do Ano de 2013, seria interessante ler com atenção e percepção para essa virada!

Quadratura de Urâno com Plutão:

Esta quadratura estará presente no céu por mais 3 anos. 

Mas já é bem percebida. Esse aspecto “marca” á forma de agir das coisas.

Esse aspecto provoca reformas e mudanças grandes. Traz grande inquietude e tensões. A vontade de transformar e mudar serão sentidas de forma inquieta. Mas com grande poder de regeneração.

Marca a mudança de religião ou crença. Ou grande reforma na ideologia.

Aumento na repressão e movimentação radical de massas.

As mudanças climáticas terão aumento, cada vez mais instáveis. Movimentos em pró de movimentos ligados á ecologia.

Aumento de enchentes, inundações, terremotos e vulcões.


Entrada de Marte em Áries:

Planeta em seu domicílio (Áries é regido por Marte), portanto seu potencial está expressando ao máximo.

Mostra uma boa capacidade nas conquistas, competição e ousadia. Grande necessidade de canalizar energia de forma física.

Porém, por Marte estar em Quadratura com Lua perceberemos mais impaciência e instabilidade. Mais agressividade e impaciência.

As pessoas podem relatar uma inquietação e intolerância, não tolerarão qualquer crítica. Atenção nas crises em relacionamento.

Expressão dos sentimentos pode ser feita de forma negativa. Muitas reclamações e comportamentos infantis.

Com Marte em Sextil com Júpiter percebemos alguns entusiastas. As pessoas que estiverem otimistas não cederão á derrotas. Mais generosidade de forma prática. A preguiça será lançada de lado.

Isso trás sucesso e conforto material. Boa capacidade empreendedora e financeira.

Com a Lua quadrando Urâno perceberemos, a rebeldia e a inquietude forte, pois a busca de mudanças de comportamento estarão fortes. Ano onde os casais precisam perceber a diferença entre ter o outro e possuir o outro, pois trás separações e tensões.

Comportamentos estarão irritáveis, nervosos e reacionários. A necessidade de mudanças perceptíveis estará aflorada. Mas essas mudanças precisão ser feitas de forma harmoniosa.

Ano de muitas situações inesperadas, repentinas. Interessante seria se o comportamento familiar fosse mais trabalhado as pessoas da família possuindo sua independência.

Possível mudanças nos núcleos sociais. Ano em que o movimento físico será muito bem vindo.

Outro aspecto percebido é o de Saturno trígono com Netuno, dois planetas femininos que nos remete a “dureza” junta com o “agradável”. Mas não podemos esquecer que ser “duro” em alguns momentos é necessário (aprender a ser duro), assim como o “agradável” de mais torna-se pegajoso. Saturno nos trás os medos e depressões. Netuno nos trás as ilusões e estado amorfo. Estamos entre a fé e o ceticismo, entre o material e o espiritual.

Portanto, a busca da liberdade de forma responsável é a “tacada final”. Portanto quanto mais disciplina e vontade de romper as barreiras, mais liberdade terá.


Enfim, quais serão suas escolhas esse ano? Vai “explodir” na agressividade ou na depressão, quando podemos traçar nossos objetivos e conquistas?
Um ótimo Ano de 2013 para você!

Gabriela Zequini
Astrologia Humanista